:::: MENU ::::
O ensino a distância vem crescendo a cada ano no Brasil e após a pandemia do coronavírus muito mais pessoas estão se interessando por esse formato de ensino.

Já foram citadas diversas vezes sobre os benefícios do ensino a distância como no texto 3 vantagens de estudar a distância e também citamos as maiores dificuldade de estudar neste modelo.

No entanto, apesar do crescimento do EAD, muitos ainda possuem dúvidas quanto a visão do mercado de trabalho a respeito dos graduados nesses cursos.


Como a faculdade a distância é vista no mercado de trabalho?

Apesar do crescimento da modalidade de ensino a distância no Brasil e no mundo, muitos ainda possuem dúvidas quanto a aceitação do mercado a esta modalidade.

Muitas destas dúvidas podem ser causadas pelo mito de que o diploma de faculdade a distância não possui o mesmo valor de uma faculdade presencial. Este mito já foi esclarecido no texto 4 mitos sobre faculdade a distância.

Além do diploma ead ser valorizado pelo mercado, pois não faz distinção se foi presencial ou a distância, a possibilidade de o aluno poder ingressar em uma pós graduação também é a mesma de um aluno que se formou em uma graduação presencial.

Ou seja, o formato de estudo a distância possui o mesmo valor de uma faculdade presencial.

Portanto o mercado de trabalho não faz distinção com relação ao diploma de ensino a distância e, dependendo de como o aluno se apresenta durante a entrevista, o mercado de trabalho pode enxergar até mesmo habilidades adicionais provenientes do ensino à distância.

Algumas habilidades podem ser demonstradas ao mercado de trabalho devido ao ensino a distância, tais como: facilidade com tecnologias, organização, autodisciplina, foco e qualidade no estudo.

Estas habilidades são certamente exigidas por quem cursa uma faculdade a distância e seguramente serão qualidades fortalecidas pelos alunos optantes por este tipo de ensino.

Em síntese, o diploma para curso superior a distância é o mesmo que para os cursos presenciais, portanto o mercado não faz distinção entre quem cursa EAD ou presencial. Portanto o risco de ter menor reconhecimento é nulo ao procurar emprego após terminar a faculdade a distância. O que contará nesse caso serão as suas aptidões e o conhecimento adquirido durante os anos de estudo, como as qualidades exemplificadas acima.

Leia também:

Foto by: freepik

0 comentários:

Postar um comentário